sexta-feira, 29 de junho de 2012

O Primo Basílio (1970)


O Primo Basílio é um romance de Eça de Queirós. Publicado em 1878, constitui uma análise da família burguesa urbana no século XIX. O livro que faz parte do nosso acervo foi publicado em 1970 pela Editora Lello Brasileira, de São Paulo.

Do livro pode-se dizer que todas as suas páginas são belas e perfeitas, admiráveis. Porque em todas elas se patenteia e brilha o seu estilo original, a magina e o encanto de sua prosa, nimbada de ironia e beleza, de graça e precisão, de simplicidade e realismo.

Citação da obra:

(...) Juliana trouxe o rol e a lamparina. Vinha arrastando as chinelas, com um casabeque pelos ombros, encolhida e lúgubre. Aquela figura com um ar de enfermaria irritou Luísa:
- Credo, mulher! Você parece a imagem da morte! (p. 79).

Vale a pena ler e para quem leu, vale a pena reler.

Fonte da imagem: arquivo pessoal sergio/elane
@Direitos Reservados

2 comentários:

  1. Meu camarada! É uma pena que hoje em dia não se leia mais romances tal e qual "O Meu Primo Basílio" Esse livro é para se ter na cabeceira da cama e degusta-lo aos poucos, sempre...

    Nada contra, mas, o que se vê são pessoas cada vez mais lendo livros de auto ajuda e psêudos autores globais (basta ser da globo fazer uma novela ou qualquer programa chimfrim aí já vira autor, vai ser recebido no Jô Soares, no Faustão, na Ana Maria Braga) que não dizem nada sobre nada, mas, o povo gosta, covenhamos é demais, né não?

    O Sibarita

    ResponderExcluir
  2. Ainda sobre Eça de Queroz eu tenho a coleção completa de 03 volumes, cada um em média, com 1600 páginas editados por Lello & Irmãos na Cidade do Porto em Portugal.

    O Sibarita

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua contribuição!